.

.
.

terça-feira, 18 de outubro de 2016

PROVA BI 2 - 14/10/16 - SEXTA-FEIRA - SE TESTE! UM POUCO SOBRE: HUMANISMO + VARIAÇÃO LINGUÍSTICA + FUNÇÕES DA LINGUAGEM + FIGURAS DE LINGUAGEM



ENUMERE OS PARÊNTESES ABAIXO – NÃO BORRE! BORRÃO = ERRO



01.HUMANISMO
02.Grandes navegações
03.Expansão ultramarina
04.Antropocentrismo
05.Burguesia
06.Gil Vicente
07.Auto
08.Farsa
09.VERDADEIRO
10.FALSO



(       )uma espécie de comédia onde o tema é o engano
(       )também recebeu o nome de QUATROCENTISMO por ter se iniciado no período de 1400
(       )relativo ao ser humano e suas capacidade de criar através do pensamento
(       )primeiro grande dramaturgo/teatrólogo português do período humanista
(       )período humanista: do século XV (15) ao XVI (16)
(       )peça de cunho religioso
(       )grandes expedições de naus/navios/caravelas que cruzaram oceanos/mares em busca de novas terras, novos pontos comerciais e novos produtos. Essa necessidade foi gerada pelo crescimento das cidades que não eram mais autossuficientes
(       )é a concepção segundo a qual o ser humano é capaz de criar através do pensamento, assim como Deus.
(       )consequência das grandes navegações, ou seja, crescimento além-mar, descobrimento e domínio de novas terras (colônias)
(       )com o humanismo houve o renascimento da cultura, das artes e das ciências, ou seja, gerou/moveu o espírito novo, que dava fim à IDADE DAS TREVAS. Descobriu-se que o ser humano com sua capacidade de pensar podia criar e descobrir coisas novas, novos mundos... novas terras com as grandes navegações. Nesse período teve início a ideologia do Antropocentrismo?
(       )A invenção do alemão GUTEMBERG (a imprensa) e seu incremento facilitou a produção de livros e assim o aumento do saber e o intercâmbio cultural?
(       )2ª escola literária portuguesa da idade média?





"Todas as variedades linguísticas são estruturadas e correspondem a sistemas e subsistemas adequados às necessidades de seus usuários. Mas o fato de estar a língua fortemente ligada à estrutura social e aos sistemas de valores da sociedade conduz a uma avaliação distinta das características das suas diversas modalidades regionais, sociais e estilísticas. A língua padrão, por exemplo, embora seja uma entre as muitas variedades de um idioma, é sempre a mais prestigiosa, porque atua como modelo, como norma, como ideal linguístico de uma comunidade. Do valor normativo decorre a sua função coercitiva sobre as outras variedades, com o que se torna uma ponderável força contrária à variação." Celso Cunha. 

A partir da leitura do texto, podemos inferir que uma língua é:
a) conjunto de variedades linguísticas, dentre as quais uma alcança maior valor social e passa a ser considerada exemplar.
b) sistema que não admite nenhum tipo de variação linguística, sob pena de empobrecimento do léxico.
c) a modalidade oral alcança maior prestígio social, pois é o resultado das adaptações linguísticas produzidas pelos falantes.
d) A língua padrão deve ser preservada na modalidade oral e escrita, pois toda modificação é prejudicial a um sistema linguístico.

O texto acima apresenta predominantemente qual função da linguagem?


a) denotativa
b)conativa
c)metalinguística
d)fática



Até quando?


Não adianta olhar pro céu
Com muita fé e pouca luta
Levanta aí que você tem muito protesto pra fazer
E muita greve, você pode, você deve, pode crer
Não adianta olhar pro chão
Virar a cara pra não ver
Se liga aí que te botaram numa cruz e só porque Jesus
Sofreu não quer dizer que você tenha que sofrer!


GABRIEL, O PENSADOR. Seja você mesmo (mas não seja sempre o mesmo).

As escolhas linguísticas feitas pelo autor conferem ao texto
a) caráter atual, pelo uso de linguagem própria da internet.
b) cunho apelativo, pela predominância de imagens metafóricas.
c) tom de diálogo, pela recorrência de gírias.
d) espontaneidade, pelo uso da linguagem coloquial.
e) originalidade, pela concisão da linguagem.

O texto acima apresenta predominantemente qual função da linguagem?


a)denotativa
b)conativa
c)fática
d)poética
e)metalinguística




ENUMERE OS PARÊNTESES ABAIXO – NÃO BORRE! BORRÃO = ERRO



1.CANAL
2.CÓDIGO
3.É FALSO
4.É VERDADEIRO
5.EMISSOR
6.FUNÇÃO APELATIVA
7.FUNÇÃO EMOTIVA
8.FUNÇÃO FÁTICA
9.FUNÇÃO METALINGUÍSTICA
10.FUNÇÃO POÉTICA
11.FUNÇÃO REFERENCIAL
12.FUNÇÕES DA LINGUAGEM
13.MENSAGEM
14.OS ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO SÃO
15.RECEPTOR
16.REFERENTE



(       )também chamada de Conativa
(       )A mensagem é centrada no receptor e organiza-se de forma a influenciá-lo, ou chamar sua atenção. Geralmente, usa-se a 2ª pessoa do discurso (tu/você; vós/vocês), vocativos e formas verbais ou expressões no imperativo. Como essa função é a mais persuasiva de todas, aparece comumente nos textos publicitários, nos discursos políticos, horóscopos e textos de autoajuda. Como a mensagem centra-se no outro, ou seja, no interlocutor, há um uso explícito de argumentos que fazem parte do universo do mesmo.
(       )O canal é posto em destaque, ou seja, o canal que dá suporte à mensagem. O interesse do emissor é emitir e simplesmente testar ou chamar a atenção para o canal, isto é, verificar a "ponte" de comunicação e certificar-se sobre o contato estabelecido, de forma a prolongá-lo. Os cacoetes de linguagem como né?, certo?, ahã dentre outros, são um exemplo bem comum para se evidenciar a existência dessa função.
(       )É aquela que põe em evidência a forma da mensagem, ou seja, que se preocupa mais em "como dizer" do que com "o que dizer". O foco recai sobre o trabalho e a construção da mensagem. A mensagem é posta em destaque, chamando a atenção para o modo como foi organizada. Há um interesse pela mensagem através do arranjo e da estética, valorizando as palavras e suas combinações. Essa função aparece comumente em textos publicitários, provérbios, ditos populares e linguagem cotidiana. Nessa função pode-se observar o intensivo uso de figuras de linguagem, como o neologismo, quando se faz necessária a criação de uma nova palavra para exprimir o sentido e alcançar o efeito desejado.
(       )também chamada de Denotativa
(       )A mensagem é centrada no referente, no assunto (contexto relacionado a emissor e receptor). O emissor procura fornecer informações da realidade, sem a opinião pessoal, de forma objetiva, direta, denotativa. A ênfase é dada ao conteúdo, ou seja, às informações. Geralmente, usa-se a 3ª pessoa do singular. Os textos que servem como exemplo dessa função da linguagem são os jornalísticos, os científicos e outros de cunho apenas informativo. A função referencial também é conhecida como cognitiva ou denotativa.
(       )tem como características: Neutralidade do emissor + Objetividade e precisão + Conteúdo informacional + Uso da 3ª pessoa do singular (ele/ela)
(       )também chamada de Expressiva
(       )Um texto pode apresentar mais de uma função enfatizada?

Quando você  afirma que enterrou “no dedo um alfinete” E OU que embarcou “no trem” recorre a um tipo de figura de linguagem denominada:


a)metonímia
b)prosopopeia
c)catacrese
d)gradação



Qual figura de linguagem foi empregada na frase: PROFERIS-TE UMA PALAVRA BRANCA E FRIA...


a)metonímia                              b)antítese                                    c)catacrese                                d)sinestesia

Identifique os recursos estilísticos empregados na frase: “Nem tudo tinham os antigos, nem tudo temos, os modernos”. (Machado de Assis)
a)metonímia                               b)antítese                                    c)prosopopeia                            d)gradação

Identifique os recursos estilísticos empregados na frase: “Quando a indesejada das gentes chegar...”
a)metonímia                               b)eufemismo                                    c)prosopopeia                            d)gradação

.

.
.
Ocorreu um erro neste gadget

É O QUE TEM PRA HOJE: "POUCO PAPO E SÓ... SU-CEEEEEEES-SO!!!"



"SIGAM-ME OS BONS" - Maria Celeste Bsp | Facebook

Google+ Followers

EU SOU POLIVALENTE!

EU SOU POLIVALENTE!