.

.
.

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

COLABORAR... COOPERAR...

CO = JUNTO
+
LABORAR = OPERAR = TRABALHAR (AGIR)

colaborar

Significado de Colaborar

v.i. Trabalhar com uma ou muitas pessoas numa obra, e particularmente numa obra de literatura ou de ciência; cooperar, concorrer: colaborar na redação de um relatório.
Escrever, não habitualmente, para periódicos, sem pertencer ao quadro efetivo da redação.

Sinônimos de Colaborar

Sinônimo de colaborar: coadjuvar e cooperar

Verbo

co.la.bo.rar, intransitivo
  1. trabalhar em comum com outrem na mesma obra
  2. escrever para uma publicação sem pertencer ao quadro dos seus redactores
  3. cooperar

Conjugação

CORROBORAR...

Português

Verbo

cor.ro.bo.rar, transitivo direto
  1. ratificar, confirmar (algo); comprovar
    • Os fatos corroboram a previsão.
cor.ro.bo.rar, transitivo direto e pronominal
  1. dar força a; fortalecer

Conjugação

Ver também

No Wikcionário

corroborar

Significado de Corroborar

v.t. Tornar forte; enrijar, fortalecer.
Confirmar, validar, abonar: corroborar declarações alheias.
V.pr. Adquirir força; fortalecer-se.

Sinônimos de Corroborar

Sinônimo de corroborar: avigorar, comprovar, confirmar, fortalecer e reforçar

domingo, 25 de novembro de 2012

E VC, ADERE? EU ADIRO!!!

Verbo Aderir...

Significado de Aderir

v.t. ind. Grudar firmemente a uma coisa: a pele adere ao músculo.
Fig. Participar de uma idéia, uma opinião: aderir a uma doutrina.
Inscrever-se numa associação, num partido.

Sinônimos de Aderir

Sinônimo de aderir: aceder, apoiar, arrimado, grudar e pegar

Verbo

a.de.rir, intransitivo
  1. estar unido por aderência
  2. pegar-se
  3. ligar-se
Gerúndio: aderindo
Particípio passado: aderido
Indicativo
Presente Pretérito perfeito Pretérito imperfeito
eu adiro eu aderi eu aderia
tu aderes tu aderiste tu aderias
ele/ela adere ele/ela aderiu ele/ela aderia
nós aderimos nós aderimos nós aderíamos
vós aderis vós aderistes vós aderíeis
eles/elas aderem eles/elas aderiram eles/elas aderiam
 
Pret. mais-que-perfeito Futuro / Condicional /

Futuro do presente Futuro do pretérito
eu aderira eu aderirei eu aderiria
tu aderiras tu aderirás tu aderirias
ele/ela aderira ele/ela aderirá ele/ela aderiria
nós aderíramos nós aderiremos nós aderiríamos
vós aderíreis vós aderireis vós aderiríeis
eles/elas aderiram eles/elas aderirão eles/elas adeririam
 
Conjuntivo Subjuntivo (Br)
Presente Pretérito imperfeito Futuro
que eu adira se eu aderisse quando eu aderir
que tu adiras se tu aderisses quando tu aderires
que ele/ela adira se ele/ela aderisse quando ele/ela aderir
que nós adiramos se nós aderíssemos quando nós aderirmos
que vós adirais se vós aderísseis quando vós aderirdes
que eles/elas adiram se eles/elas aderissem quando eles/elas aderirem
 
Imperativo
afirmativo negativo Infinitivo pessoal
para aderir eu
adere tu não adiras tu para aderires tu
adira você não adira você para aderir ele/ela
adiramos nós não adiramos nós para aderirmos nós
aderi vós não adirais vós para aderirdes vós
adiram vocês não adiram vocês para aderirem eles/elas

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

PROVA 1



Este é um exercício de classificação de orações subordinadas substantivas.
Divida e classifique as orações substantivas dos períodos abaixo:

a) Fizeram a seguinte advertência: que o trabalho fosse secreto.
b) É possível que as provas sejam anuladas.
c) A boa notícia do dia seria que descobrissem a cura da AIDS.
d) Alguém lhe perguntou de onde vinha.
e) Ninguém soube se morrera de desgosto.
f) Inteirei-me de que ela havia mentido.
g) Queríamos saber onde estava o proprietário do veículo.
h) Foi permitido que se estacionasse na calçada.
i) Seria conveniente que a empresa contivesse os gastos.
j) Ninguém sabe quem são os assaltantes.
l) Compreende-se que o ponto da lição era difícil.
m) Estou convencido de que ninguém mais verá esse convite.
n) É obrigatório que se ande de camisa aqui dentro.
o) O necessário é que se tenha a quantia solicitada para a realização do evento.
p) É uma pena que não existisse transmissão direta de tevê naquela época.
q) Tenho dúvida de que você venha hoje.
r) Lembre-se de que todos somos pó.
s) Quando uma mulher não te ama cada dia mais, podes ficar certo de que ela te ama cada dia menos.

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Orações subordinadas literais ou adverbiais & Orações subordinadas reduzidas

São introduzidas por conjunção subordinativa (exceto a conjunção integrante) e funcionam como adjunto adverbial da oração principal.
Dividem-se em:
  • Causais: exprimem a causa do facto que ocorreu na oração principal. Iniciadas, principalmente. Ex.: Já que está chovendo
vamos dormir. Segundo ex.: A menina chorou porque apanhou da mãe
Principais conjunções: porque, visto que, já que, uma vez que, como que, como:>
  • Comparativas: representam o segundo termo de uma comparação. Ex.: Essa mulher fala como um papagaio..
Obs.: Essa conjunção comparativa como é muito usada num recurso linguístico /ü/, de estilística, uma figura de linguagem chamada comparação ou símile, tais construções diferem-se duma "figura-mãe" a metáfora, mas essa figura é desprovida da conjunção como.
Principais conjunções: que, do que, como, assim como, (tanto) quanto.
  • Concessivas: indica uma concessão ou permissão entre as orações. Ex.: Embora chova, vou à praia.
Principais conjunções:embora, a menos que, ainda que, posto que, conquanto, mesmo que, se bem que, por mais que, apesar de que.
  • Condicionais: expressa uma condição. Ex.: Se chover, não irei à praia.
Principais conjunções: se, salvo se, desde que, exceto, caso, desde, contando que, sem que, a menos que.
  • Conformativas: exprimem acordo, concordância de um fato com o outro. Ex.: Cada um colhe conforme semeia.
Principais conjunções:como, consoante, segundo, conforme.
  • Consecutivas: traduzem a consequência ou o efeito do que se declara na oração principal. Ex.: Falei tanto, que fiquei rouco.
Principais conjunções: que (precedida de tal, tão, tanto, tamanho), de sorte que, de modo que.
  • Finais: exprimem finalidade. Ex.: Todos estudam para que possam vencer.
Principais conjunções: para que, a fim de que, que.
  • Temporais: indicam circunstância de tempo Ex.: Logo que chegou, sentou-se no sofá.
Principais conjunções: quando, antes que, assim que, logo que, até que, depois que, mal, apenas, enquanto.
  • Proporcionais: expressa proporção entre as orações. Ex.: O trânsito piorava à medida que a chuva aumentava.
Principais conjunções: à medida que, quanto mais....mais, à proporção que, ao passo que, quanto mais.


Orações subordinadas reduzidas

As orações subordinadas podem aparecer sob a forma de orações reduzidas, que apresentam as seguintes características:
São classificadas em:
  • Reduzida de Infinitivo: Meu desejo era viajar para a Grécia. Obs.: Embora haja alguns gramáticos que a aceitem, é errada, segundo a gramática normativa, a construção de Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta: "Deixe eu passar", porque nesse caso (ou em casos similares) não deve ser utilizado o pronome pessoal do caso reto "eu", porque ele não pode ser usado como objeto direto de uma oração, assim sendo, a corre(c)ta construção oracional é "Deixe-me passar". (Ricardoszm)
  • Reduzida de Gerúndio: Encontrei as crianças brincando no jardim.
  • Reduzida de Particípio: Apresentado o resultado, todos discordarão.
DICA: esse tipo de oração pode ser substituído pelos pronomes demonstrativos.
GERÚNDIO: -NDO
PARTICÍPIO: -ADO, -EDO, -IDO
INFINITIVO - AR, ER, IR E OR no caso da palavra PÔR
Atenção
  • O sujeito das orações reduzidas de Infinitivo – Obs.: Isto ocorre no Infinitivo Flexionado ou Pessoal, porque as orações reduzidas de Infinitivo Impessoal com os pronomes oblíquos átonos exercendo a função de sujeito ex.: Mandei-o sair suj. do verbo no Infinitivo o convém reescrevê-la na oração desenvolvida 'Mandei que ele saísse' – não deve ser contraído com a Preposição de.
    - A maneira de ele trabalhar não é satisfatória. (não: A maneira dele trabalhar não é satisfatória.)
  • Os pronomes pessoais oblíquos mim e ti não devem ser usados como sujeito das orações reduzidas de infinitivo flexionado ou pessoal. No lugar deles, devem ser usados os pronomes pessoais retos eu e tu.
    - Foi difícil para eu fazer isto. (não: Foi difícil para mim fazer isto.)
As orações subordinadas podem aparecer sob a forma de orações reduzidas,ex:
 Eu fui para casa de minha avó.

Orações subordinadas adjetivas

Oração subordinada adjetiva é aquela que se encaixa na oração principal, funcionando como adjunto adnominal. As orações subordinadas adjetivas classificam-se em: explicativas e restritivas.
Explicativas: acrescentam uma informação acessória ao antecedente, sem modificar seu significado. Separam-se da oração principal por vírgulas, travessões ou parênteses. Ex.: "Os livros de Machado de Assis, que eu li, são muito bons." [Fala-se dos livros de Machado de Assis em sua totalidade. Implica-se que o falante leu todos eles.]
Restritivas: restringem o significado do antecedente. Não se separam da oração principal por vírgulas nem por travessões ou parênteses. Ex.: "Os livros de Machado de Assis que eu li são muito bons." [Fala-se apenas dos livros de Machado de Assis lidos pelo falante. Implica-se que existem outros livros de Machado de Assis além desses.]

Orações subordinadas adjetivas reduzidas

As orações subordinadas adjetivas reduzidas podem ter o verbo no infinitivo, no gerúndio ou no particípio.
Vi a menina a chorar. (Vi a menina que chorava.)
O artista, filmando nervosamente, ficou calado. (O artista, que filmava nervosamente, ficou calado.)
Li trinta e quatro livros censurados pelo governo brasileiro. (Li trinta e quatro livros que foram censurados pelo governo brasileiro.)

Orações subordinadas substantivas

São aquelas que exercem sentido dentro dos substantivos (subjetiva, objetiva direta, objetiva indireta, apositiva, completiva nominal e predicativa), iniciam sempre por conjunções integrantes (que e se). Uma oração subordinada substantiva pode ser:
  • Subjetiva (O.S.S.S.): contribui função de sujeito do verbo da oração principal.

Exemplo: "É provável que ele chegue ainda hoje". (o que é provável?)
Exemplo: "Perguntou-se que tipo de pessoa faria uma coisa dessas. (o que perguntou-se?)
Pode ser também quando a oração principal começa com verbo de ligação;

Exemplo: "Desejo que todos venham" (quem deseja, deseja algo, alguma coisa);

Exemplo: "Necessitamos de que todos nos ajudem" (quem necessita, necessita de algo, de alguma coisa ou de alguém);
  • Predicativa (O.S.S.P.): exerce função de predicativo.

Exemplo: Meu desejo era [verbo de ligação] que me dessem uma bicicleta
Pode ser também quando a oração principal termina com verbo de ligação;
  • Completiva Nominal (O.S.S.C.N.): exercem função de complemento nominal de um nome da oração principal.
    Exemplo: "Tenho esperança de que ele ganhe a vaga";
  • Apositiva (O.S.S.A.): exercem função de aposto.

Exemplo: "Desejo-te uma coisa: que sejas muito feliz"
Não precisa ter necessariamente dois pontos (:) ou ponto e vírgula (;).
Dessa maneira, todas as orações subordinadas substantivas podem ser trocadas por isso, disso ou nisso. Veja os exemplos:

Precisamos de que você faça a cena com a atriz. = Precisamos disso. (disso: completiva nominal ou objetiva indireta)
Quero que venha para a guerra. = Quero isso. (isso: subjetiva, objetiva direta, predicativa)
Fiquei pensando que valia a pena. = Fiquei pensando nisso. (nisso: completiva nominal ou objetiva indireta).

PARA EXERCITAR ANÁLISE MORFOLÓGICA E SINTÁTICA



  • A BICICLETA AZUL ESTÁ NO QUINTAL
  • A CRIANÇA PARECE FELIZ
  • A FESTA ACABOU CEDO
  • A MÃE ENTREGOU OS LIVROS À SUA FILHA
  • A MULHER E OS FILHOS ESPERAVAM EM CASA
  • ACOMPANHEI MEU FILHO À SORVETERIA
  • AMANHECEU DE REPENTE
  • ANTÔNIO SAIU DE CASA PREOCUPADO
  • AQUELE CACHORRO ESTÁ SUJO
  • AQUELES SINAIS FORAM VISTOS ONTEM
  • AS ÁRVORES E OS RIOS SÃO ENFEITES DA NATUREZA
  • AS CASAS FORAM BEM CONSTRUÍDAS
  • AS CRIANÇAS CONFIAM NOS PAIS
  • AS MULHERES E OS HOMENS ESTAVAM MUITO ELEGANTES NA FESTA
  • CARLOS DEU UM PRESENTE À SUA NAMORADA
  • CELESTE CONFIA A MÁRIO O SEU TRABALHO
  • CHOVEU MUITO
  • CLARA, NÃO SE ESQUEÇA DE APAGAR A LUZ
  • CLÓVIS CONTINUA DOENTE
  • COMPREENDERAM BEM A LIÇÃO
  • CORINA, ALUNA DA QUINTA SÉRIE, JÁ SABE SE COMPORTAR
  • DISSERAM MUITAS MENTIRAS
  • DOIS JOVENS BRIGARAM ONTEM
  • EDUARDO E CAMILA ANDAM SEMPRE JUNTOS
  • ELE SAIU DE CASA CALMAMENTE
  • ELE VIVE PERTO DE UMA GRANDE PRAÇA
  • ELES E ELAS COMERAM MUITO
  • ELES NÃO CUMPRIRAM O ACORDO
  • ENTREGUEI-LHE O LIVRO
  • ESQUECERAM TUDO: BOLSA, DINHEIRO, ANOTAÇÕES
  • EU A ENCONTREI NA PRAÇA
  • FALOU-SE DELE NA REUNIÃO
  • FAZ TRÊS MESES DESDE A ASSINATURA DO CONTRATO
  • HÁ PACOTES PELO CHÃO
  • HÁ VÁRIOS CADERNOS EM SUA MOCHILA
  • INTENSA EMOÇÃO DOMINA OS PASSAGEIROS
  • ISTO É PERIGOSO
  • JOÃO CONTINUA PREOCUPADO
  • JOÃO E SUA FAMÍLIA COMEMORARAM A VITÓRIA
  • JOÃO RECEBEU SEU AMIGO
  • JORGE FICOU ORGULHOSO COM O RESULTADO
  • LAURA ANDA DOENTE
  • LOGO LHE CONTAREI O CASO
  • LUANA PARECIA CONTENTE
  • LÚCIA COMEU RAPIDAMENTE
  • LUÍS CONSIDEROU-A UMA DAMA
  • MARCOS VIU SEU AMIGO JOÃO
  • MARIA DEIXOU O NAMORADO TRISTE
  • MARIETA GOSTA DE AMORAS
  • MARTA CONSIDERA-O UM GRANDE AMIGO
  • MUITAS ÁRVORES FORAM CORTADAS PELOS LENHADORES
  • NÃO SEI O QUE DIZER, MINHA AMIGA
  • NÓS SAÍMOS CEDO DO JORNAL
  • O AMOR ERA ESSENCIAL PARA OS DOIS
  • O CICLISTA CAIU
  • O HOMEM NÃO DISSE NADA
  • O PAI FICOU ORGULHOSO DE SUA FILHA
  • O PROFESSOR CONSIDERA CARLOS UM RAPAZ AJUIZADO
  • O SHOW FOI REALIZADO NA PRAÇA CASTRO ALVES
  • O SUJEITO PERIGOSO PASSOU POR AQUI
  • ONTEM SAÍ CEDO DO TRABALHO
  • OS ALUNOS CHEGARAM ATRASADOS
  • OS ALUNOS ESTUDAM
  • OS CACHORROS CONTINUAM ESPERANDO A RAÇÃO
  • OS CACHORROS LATIRAM MUITO
  • OS FRACOS SÃO DOMINADOS PELOS FORTES
  • OS JOVENS DERAM A FESTA POR TERMINADA
  • OS MORADORES DA REGIÃO ESTÃO PREOCUPADOS
  • PATRÍCIA PERMANECE SILENCIOSA
  • PAULA ESTÁ ATRASADA
  • SAIMOS CEDO ONTEM
  • SÃO ONZE HORAS
  • SENHORES, A ÁRVORE ESTÁ CAINDO
  • TEM CHOVIDO MUITO EM SÃO PAULO
  • TEMOS SIDO LEAIS AOS NOSSOS AMIGOS
  • TEM-SE FALADO MUITO SOBRE O ASSUNTO
  • TENHO VONTADE DE ESTAR SÓ
  • TINHAM ERRADO O CAMINHO
  • TODOS ESTÃO ANSIOSOS PELA VIAGEM
  • TODOS JULGAVAM O AVIÃO SEGURO
  • TODOS OS ESPORTES SÃO BONS
  • TODOS POSSUEM LIVROS
  • TRATE SEUS AMIGOS COM RESPEITO
  • VENHA JANTAR, CARLINHOS
  • VIVE-SE BEM AQUI
  • VOCÊ A JULGA MEDROSA
  • VOCÊ ESTÁ BEM ACOMODADA

Verbo de ligação - QUANDO HÁ VERBO DE LIGAÇÃO, HÁ PREDICATIVO

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Verbo de ligação (ou cópula) é aquele verbo que não indica ação, geralmente tendo o significado de permanência, como nos verbos ser/estar/continuar/permanecer/ficar/fazer, e faz a conexão entre dois termos na língua portuguesa - o sujeito e o predicativo do sujeito.

Verbos de ligação

  • Ser
  • Achar
  • Encontrar
  • Fazer
  • Parecer
  • Estar
  • Continuar
  • Permanecer
  • Ficar
  • Andar
  • Tornar
  • Virar
CUIDADO!!! OS VERBOS TÊM QUE INDICAR UM "ESTADO" (circunstância em que se está, situação).

NO MOMENTO:...
EU SOU FELIZ 
EU ESTOU FELIZ
EU CONTINUO FELIZ = EU PERMANEÇO FELIZ
EU ME ACHO FELIZ = EU ME ENCONTRO FELIZ = EU ANDO FELIZ
EU PAREÇO FELIZ
EU ME TORNEI FELIZ = EU VIREI UMA PESSOA FELIZ = EU FIQUEI FELIZ

OS VERBOS ACHAR, ENCONTRAR, ANDAR, TORNAR E VIRAR NEM SEMPRE SÃO DE LIGAÇÃO.

EU ACHEI UM LIVRO = EU ENCONTREI UM LIVRO

EU ANDEI POR TODA A RUA

EU TORNEI A SÃO PAULO

EU VIREI A GARRAFA ATÉ TODA A ÁGUA SAIR

Referências

Análise sintáctica
Sujeito | Predicado | Verbo | Objeto | Complemento nominal | Adjunto adnominal | Adjunto adverbial | Predicativo | Aposto | Vocativo | Agente da passiva | Conectivo
Sujeito
Sujeito simples | Sujeito composto | Sujeito oculto | Sujeito indeterminado | Ausência do Sujeito
Predicação verbal
Verbo transitivo direto | Verbo transitivo indireto | Verbo transitivo direto-indireto | Verbo intransitivo | Verbo de ligação
Objectos
Objecto directo | Objecto indirecto | Objecto pleonástico | Objeto direto preposicionado
Complementos
Complemento verbal | Complemento nominal | Complemento verbo-nominal
Frase, oração e período
Oração principal | Período composto | Oração subordinada | Oração coordenada
Ver também: Acessórios sintácticos e termos essenciais e integrantes
Ver avaliações
Avaliar esta página
Credibilidade
Imparcialidade
Profundidade
Redação

.

.
.
Ocorreu um erro neste gadget

É O QUE TEM PRA HOJE: "POUCO PAPO E SÓ... SU-CEEEEEEES-SO!!!"



"SIGAM-ME OS BONS" - Maria Celeste Bsp | Facebook

Google+ Followers

EU SOU POLIVALENTE!

EU SOU POLIVALENTE!