.

.
.

terça-feira, 8 de maio de 2012

Senilidade = VELHICE... SENIL = VELHO, IDOSO

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Senilidade, segundo a Revista de Psicofisiologia, é o processo patológico de envelhecimento. Se refere à fase do envelhecer em que o declínio físico é mais acentuado e é acompanhado da desorganização mental. Caracteriza-se por um declínio acelerado no funcionamento de todos os sistemas do corpo: cardiovascular, respiratório, genital, urinário, endócrino e imunológico, entre outros. A crença de que a velhice está associada, invariavelmente com profunda debilidade intelectual e física, entretanto, é um mito. A maioria das pessoas retem suas capacidades cognitivas e físicas em um grau notável. (http://www.icb.ufmg.br/lpf/revista/revista2/ontogenia/cap6_3.htm)
Segundo a mesma fonte, do ponto de vista físico podemos observar os seguintes sinais de senilidade:
  • Diminuição da altura, relacionado com a diminuição dos discos vertebrais, um fator da curvatura da coluna.
  • Atrofia dos aparelhos locomotores, prejudicando o apoio e aumento dos tecidos conjuntivo e adiposo.
  • Alterações na pele e embranquecimento dos cabelos;
  • Diminuição contínua da capacidade funcional dos órgãos dos sentidos.
O processo natural de envelhecimento, associado às doenças crônicas, é o responsável pela limitação do idoso.
Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ver avaliações
Avaliar esta página
Credibilidade
Imparcialidade
Profundidade
Redação

.

.
.
Ocorreu um erro neste gadget

É O QUE TEM PRA HOJE: "POUCO PAPO E SÓ... SU-CEEEEEEES-SO!!!"



"SIGAM-ME OS BONS" - Maria Celeste Bsp | Facebook

Google+ Followers

EU SOU POLIVALENTE!

EU SOU POLIVALENTE!